Please use this identifier to cite or link to this item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/1020
Title: Rastreamento do câncer de colo uterino em índias do Parque Indígena do Xingu, Brasil central
Authors: Taborda, Wladimir Correa
Ferreira, Selma Carneiro
Rodrigues, Douglas
Stávale, João Norberto
Baruzzi, Roberto Geraldo
Affilliation: Universidade Federal de São Paulo. Escola Paulista de Medicina. Unidade de Saúde e Meio Ambiente. Departamento de Medicina Preventiva. São Paulo, SP, Brasil.
Universidade Federal de São Paulo. Escola Paulista de Medicina. Unidade de Saúde e Meio Ambiente. Departamento de Medicina Preventiva. São Paulo, SP, Brasil.
Universidade Federal de São Paulo. Escola Paulista de Medicina. Unidade de Saúde e Meio Ambiente. Departamento de Medicina Preventiva. São Paulo, SP, Brasil.
Universidade Federal de São Paulo. Escola Paulista de Medicina. Unidade de Saúde e Meio Ambiente. Departamento de Anatomia Patológica. São Paulo, SP, Brasil.
Universidade Federal de São Paulo. Escola Paulista de Medicina. Unidade de Saúde e Meio Ambiente. Departamento de Medicina Preventiva. São Paulo, SP, Brasil.
Abstract: Embora a literatura apresente dados preocupantes sobre a incidência do câncer de colo uterino entre povos indígenas, no Brasil são muito escassas as informações a respeito da ocorrência do câncer nessa população. Assim, o objetivo do presente estudo descritivo foi analisar a prevalência de câncer do colo uterino e de infecções cérvico-vaginais em 423 mulheres índias, habitantes do Parque Indígena do Xingu, Estado do Mato Grosso, com vida sexual ativa presente ou pregressa. Os dados foram coletados entre 1989 e 1996. Foram realizados exames clínico e ginecológico previamente à obtenção de esfregaço da cérvice uterina e estudo da citologia oncológica, complementados por colposcopia e biópsia nos casos positivos. Os resultados demonstraram que 1% das mulheres apresentava carcinoma invasivo e 3% apresentavam lesões pré-malignas. Além disso, evidenciou-se que 84% das mulheres apresentavam atipias celulares de natureza inflamatória, decorrentes de infecções genitais sexualmente transmitidas. Estes achados estão de acordo com a literatura internacional quanto à elevada prevalência dessas doenças em populações nativas e indicam a importância de serem estendidos aos povos indígenas do Brasil os programas de controle, tanto das doenças sexualmente transmissíveis, como de detecção e tratamento precoces do câncer do colo do útero.
Keywords: Brasil
Índios Sul-Americanos
Saúde de Populações Indígenas
Mato Grosso
Parque Indígena do Xingu
Região Amazônica
Epidemiologia
Região Centro-Oeste
Saúde da Mulher
Estudos Epidemiológicos
Neoplasias do Colo do Útero
Teste de Papanicolaou
Issue Date: 2000
Publisher: Pan American Health Organization
Citation: TABORDA, Wladimir Correa; FERREIRA, Selma Carneiro; RODRIGUES, Douglas; STÁVALE, João Norberto; BARUZZI, Roberto Geraldo. Rastreamento do câncer de colo uterino em índias do Parque Indígena do Xingu, Brasil central. Revista Panamericana de Salud Pública, v. 7, p. 92-96, 2000.
metadata.dc.identifier.doi: 10.1590/S1020-49892000000200004
ISSN: 1020-4989
Copyright: open access
Appears in Collections:EPI - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
147180822.pdf28.51 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.