Please use this identifier to cite or link to this item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/1026
Title: A relação de intermedicalidade nos Índios Truká, em Cabrobó - Pernambuco
Authors: Vieira, Hítalo Thiago Gomes
Oliveira, Jacqueline Eyleen de Lima
Neves, Rita de Cássia Maria
Affilliation: Universidade de Pernambuco. Petrolina, PE, Brasil.
Universidade de Pernambuco. Petrolina, PE, Brasil.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, RN, Brasil
Abstract: Introdução: Os conhecimentos tradicionais indígenas de saúde fundamentam-se em uma abordagem holística, cujo princípio é a harmonia de indivíduos, famílias e comunidades com o universo que os rodeia. Um dos desafios que antecede a atuação dos profissionais de saúde é o respeito à diferença, em que os conhecimentos e tecnologias da Biomedicina não devem ser transmitidos verticalmente, tornando-se imprescindível o reconhecimento da diversidade social e cultural dos povos indígenas. Objetivo: Identificar as práticas de autoatenção nos índios Truká e a relação dessa população com a biomedicina, constatando a ocorrência ou não de interrelação das práticas biomédicas com os sistemas tradicionais de cura. Metodologia: O estudo é caracterizado como uma pesquisa de cunho qualitativo. Para a realização dessa pesquisa, foram coletados os dados no Polo Base Truká, em Cabrobó e no Território Indígena, na Ilha de Assunção. A coleta de dados foi realizada durante os meses de novembro de 2010 e janeiro de 2011, quando foram realizadas entrevistas semiestruturadas aliadas ao método de Observação Participante e registro em Diário de Campo. Os sujeitos da pesquisa foram vinte e um indivíduos, incluindo índios Truká e profissionais da equipe multidisciplinar de saúde indígena. Resultados: Para os Truká, o processo de cura é polissêmico. Composto por posse do território, práticas rituais, tais como o Toré, rezas, além do uso de lambedor e garrafadas. Por sua vez, fazem uso dos medicamentos alopáticos, em um processo chamado de intermedicalidade.
Abstract: Introduction: Traditional indigenous knowledge about health is based on a holistic approach, which in turn is founded on harmony between people, families and community and the universe that surrounds them. One of the challenges that precedes the work of health professionals is respect for differences, where the knowledge and technologies of biomedicine cannot be transmitted vertically, showing that recognition of the cultural and social diversity of indigenous people is vital. Objective: To identify the self-attention practices of Truká Indians and this population’s relationship with biomedicine, witnessing the occurrence or absence of an interrelationship between biomedicinal practices and traditional healing systems. Metodology: This study is characterized as a qualitative research project. To conduct this survey, data were collected at the Truká`s central base in Cabrobó and on indigenous territory, on Assunção Island. Data were collected between November 2010 and January 2011, when semi-structured interviews associated with the “Participant Observation” method were conducted, and a field diary was used. Twenty-one individuals took part in that research, including Truká Indians and professionals on a multidisciplinary Indian health team. Results: For the Truká Indians, the cure process is polysemic. It is composed of territory ownership, ritual practices such as the Toré ritual, prayers, and the use of homemade syrups and bottled herbal infusions. They use allopathic medicines in turn, in a process denominated intermedicality.
Keywords: Brasil
Índios Sul-Americanos
Saúde de Populações Indígenas
Região Nordeste
Pernambuco
Medicina Tradicional
Sistemas Locais de Saúde
Serviços de Saúde do Indígena
Pesquisa Qualitativa
Antropologia da Saúde
Intermedicalidade
Truká
Issue Date: 2013
Publisher: Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo. Associação Paulista de Saúde Pública
Citation: VIEIRA, Hítalo Thiago Gomes; OLIVEIRA, Jacqueline Eyleen de Lima; NEVES, Rita de Cássia Maria. A relação de intermedicalidade nos Índios Truká, em Cabrobó - Pernambuco. Saúde Soc, v. 22, n. 2, p. 566-574, 2013.
ISSN: 0104-1290
Copyright: open access
Appears in Collections:AN - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
590109700.pdf112.8 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.