Please use this identifier to cite or link to this item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/1044
Title: A saúde pública em tempos de burocratização: o caso do médico Noel Nutels
Other Titles: Public health in times of bureaucratization: the case of the physician Noel Nutels
Authors: Paiva, Carlos Henrique Assunção
Affilliation: Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Instituto de Medicina Social. Rio de janeiro, RJ, Brasil.
Abstract: Este artigo discute a trajetória do médico sanitarista Noel Nutels como um estudo de caso. Meu argumento central é que a história da saúde pública, a partir dos anos 1930, sobretudo durante o longo período getulista, é marcada por um processo de burocratização, cujo principal resultado é uma crescente dificuldade na implementação das políticas públicas durante o período. Esta dificuldade indica um gradual conflito nas relações entre aqueles diretamente responsáveis pela elaboração e implementação das políticas públicas e a crescente burocracia estatal. O período histórico que se constitui a partir de 1930 assinala uma ampla divergência entre os padrões de comportamento dos homens de ciência e dos homens de Estado . Se o período anterior à revolução tem como marca uma certa sintonia entre esses dois segmentos sociais, a burocratização altera rápida e gradualmente o antigo equilíbrio, conquistado ainda no final do século XIX, e promove um deslocamento do papel de destaque que até então desfrutavam os agentes e autoridades da saúde pública no interior dos aparelhos do Estado.
Abstract: This case study of the trajectory of sanitarian Noel Nutels argues that starting in the 1930s and particularly during the long Vargas period, the history of Brazilian public health became characterized by a process of bureaucratization. Although the chief consequence was an increase in problems in implementing public policies, these difficulties do not appear to have prompted any immediate ideological demobilization within the sanitation movement, as occurred under the Old Republic, having instead engendered conflicts between those directly responsible for designing and implementing public policies, on the one hand, and the growing State bureaucracy, on the other. The historical period initiated in 1930 thus marked a broad divergence between the conduct of men of science and men of State . If the period preceding the revolution was characterized by a certain harmony between these two social sectors, won in the late nineteenth century, the process of bureaucratization altered this balance, dislodging public health agents and authorities from the special roles they had enjoyed within the Brazilian State machinery
Keywords: Brasil
Índios Sul-Americanos
Saúde de Populações Indígenas
Biografia
Revisão
Estudos de Casos
Políticas Públicas
História da Saúde Pública
Noel Nutels
Issue Date: 2003
Publisher: Casa de Oswaldo Cruz, Fundação Oswaldo Cruz
Citation: PAIVA, Carlos Henrique Assunção. A saúde pública em tempos de burocratização: o caso do médico Noel Nutels. História, Ciências, Saúde - Manguinhos, v. 10, n. 3, p. 827-851, 2003.
Copyright: open access
Appears in Collections:PSSI - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
767120941.pdf176.1 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.