Please use this identifier to cite or link to this item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/1048
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorVargas, Karem Dall" Acqua-
dc.contributor.authorMisoczky, Maria Ceci-
dc.contributor.authorWeiss, Maria Clara Vieira-
dc.contributor.authorCosta, Wildce da Graça Araujo-
dc.date.accessioned2019-09-16T19:03:08Z-
dc.date.available2019-09-16T19:03:08Z-
dc.date.issued2010
dc.identifier.citationVARGAS, Karem Dall'acqua; MISOCZKY, Maria Ceci; WEISS, Maria Clara Vieira; COSTA, Wildce da Graça Araujo. A (des)articulação entre os níveis de atenção à saúde dos Bororo no Polo-Base Rondonópolis do Distrito Sanitário Especial Indígena de Cuiabá-MT. Physis: Revista de Saúde Coletiva, v. 20, n. 4, p. 1399-1418, 2010.en_US
dc.identifier.issn0103-7331-
dc.identifier.urihttp://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/1048-
dc.description.abstractEste artigo se origina de uma pesquisa cujo objetivo foi avaliar as estratégias locorregionais de articulação entre os níveis de cuidado à saúde, considerando tanto a adequação às normas existentes (estratégia deliberada), quanto os desenvolvimentos criativos (estratégias emergentes) realizados nos contextos locorregionais estudados. A referência para julgamento (ato inerente à pesquisa avaliativa) foi a coerência com os princípios constitucionais definidores do SUS. Na realização do estudo de caso aqui relatado, foram obtidas informações através de documentos secundários, observação direta extensiva, questionários e entrevistas em profundidade com informantes-chave. Os resultados mostraram, com relação à articulação da atenção básica com os demais níveis de atenção à saúde dos Bororo no Polo-Base Rondonópolis, o predomínio de um modelo de organização dos serviços voltado para ações especializadas e de alto custo, em detrimento da valorização dos conhecimentos populares e das práticas de saúde tradicionais. Além disso, a estratégia deliberada para os Distritos Sanitários Especiais Indígenas foi transformada, tendo emergido uma estrutura como a preconizada pela noção de distrito sanitário sem atenção às especificidades da saúde indígena. Confirmou-se a suposição geral que orientou este estudo, segundo a qual existe uma enorme distância entre o que é declarado e formalizado nos planos elaborados de acordo com as normatizações e o que efetivamente ocorre no cotidiano dos serviços e no fluxo dos usuários.en_US
dc.language.isopor-
dc.publisherIMS-UERJen_US
dc.rightsopen accessen_US
dc.subject.otherBrasilen_US
dc.subject.otherÍndios Sul-Americanosen_US
dc.subject.otherSaúde de Populações Indígenasen_US
dc.subject.otherMato Grossoen_US
dc.subject.otherRegião Centro-Oesteen_US
dc.subject.otherDSEI Cuiabáen_US
dc.subject.otherDistritos Sanitários Especiais Indígenasen_US
dc.subject.otherBororoen_US
dc.subject.otherSistemas Locais de Saúdeen_US
dc.subject.otherServiços de Saúde do Indígenaen_US
dc.titleA (des)articulação entre os níveis de atenção à saúde dos Bororo no Polo-Base Rondonópolis do Distrito Sanitário Especial Indígena de Cuiabá-MTen_US
dc.typeArticleen_US
dc.creator.affilliationFisioterapeuta, Mestre em Saúde Coletiva, responsável técnica pela Área Estratégica de Saúde Indígena da Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso.en_US
dc.creator.affilliationMédica, Professora Doutora da Escola de Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.en_US
dc.creator.affilliationNutricionista, Professora Pós-Doutora do Instituo de Saúde Coletiva da Universidade Federal de Mato Grossoen_US
dc.creator.affilliationEnfermeira, Professora Doutora do Instituto de Saúde Coletiva da Universidade Federal de Mato Grosso.en_US
dc.identifier.doi10.1590/S0103-73312010000400018-
Appears in Collections:PSSI - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
237820925.pdf800.79 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.