Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/1060
Título: Participação e autonomia nos espaços interculturais de saúde indígena: reflexões a partir do sul do Brasil
Título(s) alternativo(s): Participation and Autonomy in the Intercultural Contexts of Indian Health: reflections from southern Brazil
Autor(es): Langdon, Esther Jean
Diehl, Eliana Elisabeth
Afiliação: Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Departamento de Antropologia. Florianópolis, SC, Brasil.
Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências da Saúde. Departamento de Ciências Farmacêuticas. Florianópolis, SC, Brasil.
Resumo: A democratização das ações e serviços de saúde no Brasil, expressa no Sistema Único de Saúde (SUS) em 1990, tem como base novas relações entre estado e sociedade. Idealisticamente, os princípios e as diretrizes do Sistema Único de Saúde, forjados ainda no Movimento de Reforma Sanitária a partir de 1976, estabelecem o papel central do usuário e deslocam o eixo do poder das macroestruturas para os níveis locais e regionais, com a ampla participação de todos os setores que compõem o cenário da saúde. No caso indígena, o Subsistema de Atenção à Saúde Indígena no âmbito do SUS foi implementado em 1999, face às históricas desigualdades e iniqüidades vividas por esses povos no Brasil. Desde a implantação do Subsistema, há sete anos, são poucas as reflexões sobre os conceitos-chaves e sua práxis em contextos interculturais: atenção diferenciada, Agentes Indígenas de Saúde e participação e controle social. Esse artigo traz uma avaliação do modelo de atenção à saúde indígena com base nesses aspectos. A partir de pesquisas realizadas no sul do Brasil, especificamente no Estado de Santa Catarina e na experiência de participação em instâncias de controle social, buscamos contribuir para a avaliação, que é exígua até o momento
Palavras-chave: Brasil
Índios Sul-Americanos
Agentes Indígenas de Saúde
Saúde de Populações Indígenas
Capacitação de Recursos Humanos em Saúde
DSEI Interior Sul
Região Sul
Guarani
Santa Catarina
Kaingang
Formulação de Políticas
Xokleng
Terena
Krenak
Participação Social
Serviços de Saúde do Indígena
Controle Social
Atenção Diferenciada
Pesquisa Qualitativa
Trabalho em Saúde
Política de Saúde Indígena
Diversidade Cultural
DeCS: Brasil
Saúde de Populações Indígenas
Índios Sul-Americanos
Capacitação de Recursos Humanos em Saúde
Distrito Sanitário Especial Indígena
Participação Social
Formulação de Políticas
Serviços de Saúde do Indígena
Controle Social Formal
Pesquisa Qualitativa
Diversidade Cultural
Política de Saúde
Data do documento: 2007
Editor: Saúde & Sociedade
Referência: LANGDON, Esther Jean; DIEHL, Eliana Elisabeth. Participação e Autonomia nos Espaços Interculturais de Saúde Indígena: reflexões a partir do sul do Brasil. Saúde & Sociedade, v. 16, n. 2, p. 19-36, 2007.
DOI: 10.1590/S0104-12902007000200004
ISSN: 1984-0470
Direito autoral: open access
Aparece nas coleções:PSSI - Artigos de Periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
238589257.pdf197.27 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


O uso do material disponibilizado neste repositório deve ser feito de acordo e dentro dos limites autorizados pelos Termos de Uso.