Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/1130
Título: Um olhar sobre a saúde indígena no estado de Roraima
Autor(es): Hayad, R. L. N.
Oliveira, A. I. O.
Ferreira, M. L. S.
Luitgards-Moura, J. F.
Afiliação: Universidade Federal de Roraima. Centro de Ciências da Saúde. Boa Vista, RO, Brasil
Universidade Federal de Roraima. Centro de Ciências da Saúde. Boa Vista, RO, Brasil
Universidade Federal de Roraima. Centro de Ciências da Saúde. Boa Vista, RO, Brasil
Universidade Federal de Roraima. Centro de Ciências da Saúde. Boa Vista, RO, Brasil
Resumo: Saúde indígena constitui-se como uma temática complexa, e muitas vezes, polêmica. Esse trabalho de revisão de literatura buscou conhecer de fato a atual e diversa realidade indígena em Roraima. A população indígena em Roraima representa mais de 15% da população do estado. Só no Distrito Leste, o Convênio CIR/Funasa conta com 438 Agentes Indígenas de Saúde, 188 postos, 64 laboratórios e 84 profissionais da área médica e administrativa contratados. Os Macuxi, povo de filiação lingüística Karib, falam uma mesma língua completamente inteligível entre todos eles. Os Wapishana, povo de filiação Arawak, são hoje uma população de cerca de 9.800 indivíduos que habitam os campos entre os rios Branco e Rupununi. Os Taurepang, também índios de origem Karib, vivem nas proximidades da fronteira com a Venezuela na terra indígena São Marcos, ao norte do Estado de Roraima. Os Waiwai, também indígenas de origem karib, vivem ao sul do Estado de Roraima, próximos à divisa com o Estado do Pará, com contingente aproximado de 500 pessoas. Os Ingarikó, de origem Karib, vivem no estremo norte de Roraima. Os índios Patamona são considerados como formando um mesmo povo com os Ingarikó. As etnias Yanomami (13.914 pessoas) e Ye’kuana (408 pessoas) atualmente totalizam 14.329 pessoas. Atualmente, a Casa de Saúde do Índio funciona como unidade mista e recebe indígenas referenciados dos distritos Yanomami e Leste, parte do Amazonas além de pacientes oriundos da Venezuela e Guiana Inglesa
Palavras-chave: Brasil
Índios Sul-Americanos
Região Norte
Roraima
Saúde de Populações Indígenas
DSEI Yanomami
Região Amazônica
Epidemiologia
Sistema Único de Saúde
Yanomami
FUNASA
DSEI Leste Roraima
Waiwai
Ye'kuana
Mortalidade
Atenção à Saúde
Política Nacional de Atenção à Saúde dos Povos Indígenas
Distritos Sanitários Especiais Indígenas
Revisão
Morbidade
Macuxi
Ingarikó
Estudos Epidemiológicos
Indicadores de Saúde
Patamona
Subsistema de Atenção à Saúde Indígena
Wapishana
DeCS: Brasil
Saúde de Populações Indígenas
Índios Sul-Americanos
Ecossistema Amazônico
Epidemiologia
Sistema Único de Saúde
Mortalidade
Distrito Sanitário Especial Indígena
Atenção à Saúde
Revisão
Morbidade
Estudos Epidemiológicos
Indicadores de Saúde
Data do documento: 2008
Editor: Academia Roraimense de Ciências
Referência: HAYAD, R. L. N.. et al . Um olhar sobre a saúde indígena no estado de Roraima. Mens Agitat, v. 3, n. 1, p. 89-98, 2008.
ISSN: 1809-4791
Direito autoral: open access
Aparece nas coleções:AS - Artigos de Periódicos
EPI - Artigos de Periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
041958034.pdf161.3 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


O uso do material disponibilizado neste repositório deve ser feito de acordo e dentro dos limites autorizados pelos Termos de Uso.