Please use this identifier to cite or link to this item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/1140
Title: Anemia e níveis de hemoglobina em crianças indígenas Xavante, Brasil Central
Other Titles: Anemia and hemoglobin levels among Indigenous Xavante children, Central Brazil
Authors: Ferreira, Aline Alves
Santos, Ricardo Ventura
Souza, July Anne Mendonça de
Welch, James R.
Coimbra Junior, Carlos E. A.
Affilliation: Universidade Federal do Rio de Janeiro. Instituto de Nutrição Josué de Castro. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Fundação Oswaldo Cruz. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Universidade Federal do Rio de Janeiro. Museu Nacional. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Abstract: Avaliar a prevalência de anemia, os níveis médios de hemoglobina e os principais fatores nutricionais, demográficos e socioeconômicos associados em crianças Xavante, no Mato Grosso, Brasil. Métodos: Realizou-se inquérito em duas comunidades indígenas Xavante na Terra Indígena Pimentel Barbosa visando avaliar todas as crianças < 10 anos. Foram coletados dados de concentração de hemoglobina, antropometria e aspectos socioeconômicos/demográficos através de avaliação clínica e questionário estruturado. Utilizaram-se os pontos de corte recomendados pela Organização Mundial da Saúde para a classificação de anemia. Análises de regressão linear com hemoglobina como desfecho e regressão de Poisson com variância robusta com presença ou não de anemia como desfechos foram realizadas (IC = 95%). Resultados: Os menores valores médios de hemoglobina ocorreram nas crianças < 2 anos, sem diferença significativa entre os sexos. A anemia atingiu 50,8% das crianças, sendo os < 2 anos mais atingidos (77,8%). A idade associou-se inversamente à ocorrência de anemia (RP ajustada = 0,60; IC95% 0,38; 0,95) e os valores médios de hemoglobina aumentaram significativamente conforme o incremento da idade. Os maiores valores de escores z de estatura-para-idade reduziam em 1,8 vezes a chance de ter anemia (RP ajustada=0,59; IC95% 0,34;1,00). A presença de outra criança com anemia no domicílio aumentou em 52,9% a probabilidade de ocorrência de anemia (RP ajustada=1,89; IC95% 1,16;3,09). Conclusões: Elevados níveis de anemia nas crianças Xavante sinalizam a disparidade entre estes indígenas e a população brasileira geral. Os resultados sugerem que a anemia é determinada por relações complexas e variáveis entre fatores socioeconômicos, sociodemográficos e biológicos.
Abstract: To evaluate the prevalence of anemia, mean hemoglobin levels, and the principal associated nutritional, demographic, and socioeconomic factors among Xavante children in Mato Grosso State, Brazil. Methods: A survey was conducted of children < 10 years of age in two indigenous Xavante communities within the Pimentel Barbosa Indigenous Reserve. Hemoglobin levels, anthropometric measurements, and socioecononomic/demographic data were collected by means of clinical measurements and structured interviews. World Health Organization recommended cut-off points were used for classification of anemia. Linear regression analyses with hemoglobin as the outcome and Poisson regression with robust variance with presence or absence of anemia as outcomes were performed (IC = 95%). Results: Lower mean hemoglobin values were observed in children < 2 years, without significant difference between sexes. Anemia was observed among 50.8% of children overall, with the highest prevalence among children < 2 years (77.8%). Child’s age was inversely associated with the occurrence of anemia (adjusted PR = 0.60; CI95% 0.38; 0.95) and mean hemoglobin values increased significantly with age. Greater height-for-age z-score values reduced the probability of having anemia by 1.8 times (adjusted PR=0.59; CI95% 0.34; 1.00). Presence of another child with anemia within the household increased the probability of the occurrence of anemia by 52.9% (adjusted PR=1.89; CI95% 1.16; 3.09). Conclusions: Elevated levels of anemia among Xavante children reveal a disparity between this Indigenous population and the national Brazilian population. Results suggest that anemia is determined by complex and variable relationships between socioeconomic, sociodemographic, and biological factors.
Keywords: Brasil
Saúde de Populações Indígenas
Mato Grosso
Região Amazônica
Região Centro-Oeste
Xavante
Saúde da Criança
Anemia
Deficiências Nutricionais
Inquéritos Nutricionais
DeCS: Brasil
Saúde de Populações Indígenas
Ecossistema Amazônico
Saúde da Criança
Anemia
Deficiências Nutricionais
Inquéritos Nutricionais
Issue Date: 2017
Publisher: Instituto de Nutrição Josué de Castro
Citation: FERREIRA, Aline Alves. et al. Anemia e níveis de hemoglobina em crianças indígenas Xavante, Brasil Central. Revista Brasileira De Epidemiologia = Brazilian Journal of Epidemiology, v. 20, n. 1, p. 102-114, 2017.
metadata.dc.identifier.doi: 10.1590/1980-5497201700010009
ISSN: 1415-790X
1980-5497
Copyright: open access
Appears in Collections:AN - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
678353718.pdf868.36 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.