Please use this identifier to cite or link to this item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/1267
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorGuimrães, Liliana A. M.-
dc.contributor.authorGrubits, Sonia-
dc.date.accessioned2019-10-15T12:29:40Z-
dc.date.available2019-10-15T12:29:40Z-
dc.date.issued2007-
dc.identifier.citationGUIMARÃES, Liliana A.M.; GRUBITS, Sonia. Alcoolismo e violência em etnias indígenas: Uma visão crítica da situação brasileira.. Psicologia & Saúde, v. 19, n. 1, p. 45-51, 2007.en_US
dc.identifier.issn1807-0310-
dc.identifier.urihttp://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/1267-
dc.description.abstractEste estudo aborda centralmente a relação entre alcoolismo e violência em etnias indígenas do Brasil. São descritos e analisados os principais estudos epidemiológicos sobre alcoolismo realizados no país, constatando-se a escassez e também a necessidade imperativa de mais pesquisas, que permitam um melhor dimensionamento do problema e uma maior visibilidade da caracterização das especificidades culturais de cada etnia. Aponta-se a importância do entendimento do significado peculiar do processo de alcoolização, para que sejam possíveis abordagens preventivas e intervenções efetivas. Conclui-se pela urgência da superação do quadro encontrado, postulando-se uma íntima colaboração entre líderes comunitários e esforços conjugados para a mobilização e organização de quadros funcionais competentes das entidades assistenciais, governamentais e não-governamentais, e da comunidade acadêmica.en_US
dc.language.isopor-
dc.publisherAssociação Brasileira de Psicologia Socialen_US
dc.rightsopen accessen_US
dc.subject.otherRevisãoen_US
dc.subject.otherAlcoolizaçãoen_US
dc.subject.otherDoenças e Agravos Não Transmissíveisen_US
dc.titleAlcoolismo e violência em etnias indígenas: Uma visão crítica da situação brasileira.en_US
dc.typeArticleen_US
dc.creator.affilliationUniversidade Católica Dom Bosco. Campo Grande, MS, Brasil.en_US
dc.creator.affilliationUniversidade Católica Dom Bosco. Campo Grande, MS, Brasil.-
dc.description.abstractenThis study mainly addresses the interface between alcoholism and violence in Brazilian indigenous people. Principal epidemiological studies on alcoholism are described and analyzed. This analysis demonstrates that, in our country, studies on this matter are rare, with the need to carry out more studies so to improve our knowledge on the extension of this problem, acknowledging the specific cultural characteristics of each ethnic group. It indicates the importance of understanding the peculiar significance of the process of alcoholization, making it possible to undertake preventive actions and effective interventions. It concludes the need to urgently overcome the current situation, proposing a close collaboration among community leaders, government and non-government assistance organizations and the academic community to engage efforts in mobilizing and organizing competent personnel.en_US
dc.identifier.doi10.1590/S0102-71822007000100007-
dc.subject.decsBrasilen_US
dc.subject.decsÍndios Sul-Americanosen_US
dc.subject.decsSaúde de Populações Indígenasen_US
dc.subject.decsSaúde Mentalen_US
dc.subject.decsConsumo de Bebidas Alcoólicasen_US
dc.subject.decsViolênciaen_US
Appears in Collections:DANT - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
405210308.pdf77.59 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.