Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/1307
Título: O cuidar da saúde para a mulher indígena Haliti-Paresí
Autor(es): Baggio, Érica
Nascimento, Vagner Ferreira do
Terças, Ana Claudia Pereira
Hattoti, Thalise Yuri
Atanaka, Marina
Lemos, Elba Regina Sampaio
Afiliação: Universidade do Estado de Mato Grosso/UNEMAT. Arenápolis, MT, Brasil.
Universidade do Estado de Mato Grosso/UNEMAT. Tangará da Serra, MT, Brasil
Universidade do Estado de Mato Grosso/UNEMAT. Tangará da Serra, MT, Brasil
Universidade do Estado de Mato Grosso/UNEMAT. Cuiabá, MT, Brasil
Universidade do Estado de Mato Grosso/UNEMAT. Cuiabá, MT, Brasil
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Resumo: Objetivo: verificar como as mulheres indígenas definem e promovem saúde. Método: estudo qualitativo, descritivo-exploratório, com 12 mulheres indígenas Haliti-Paresí. Os dados foram produzidos a partir de entrevistas semiestruturadas. Para análise dos dados, utilizou-se a técnica de Análise de Conteúdo na modalidade Análise Temática, fundamentada na Teoria da Diversidade e Universalidade do Cuidado Cultural. Resultados: identificou-se que as indígenas definem saúde como algo primordial que dá sentido ao viver e que vai além da dimensão biológica. Além disso, há uma articulação entre os saberes populares e biomédicos, com preferência aos saberes indígenas aplicados no interior da comunidade. Elas reconhecem que hábitos não saudáveis estão presentes no cotidiano indígena e demonstram preocupação buscando meios para promover a saúde da família. Conclusão: os valores culturais necessitam ser integrados à assistência para melhoria da saúde indígena, em uma perspectiva de construção de um novo paradigma para abordagem do processo saúde- doença.
Palavras-chave em inglês: Health of Indigenous Peoples
Brazil
Palavras-chave: Brasil
Índios Sul-Americanos
Saúde de Populações Indígenas
Mato Grosso
Região Amazônica
Região Centro-Oeste
Medicina Tradicional
Saúde da Mulher
Antropologia da Saúde
Estudo Qualitativo
Haliti-Paresí
Paresí
DeCS: Brasil
Saúde de Populações Indígenas
Índios Sul-Americanos
Ecossistema Amazônico
Medicina Tradicional
Saúde da Mulher
Antropologia da Saúde
Data do documento: 2018
Editor: Universidade Federal de Pernambuco
Referência: BAGGIO, Érica; et al. O cuidar da saúde para a mulher indígena Haliti-Paresí. Revista de Enfermagem UFPE, v. 12, n. 3, p. 729-737, 2018.
ISSN: 1981-8963
Direito autoral: open access
Aparece nas coleções:ASMT - Artigos de Periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
016762368.pdf685.19 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


O uso do material disponibilizado neste repositório deve ser feito de acordo e dentro dos limites autorizados pelos Termos de Uso.