Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/1364
Título: Estado nutricional e fatores associados à estatura de crianças da Terra Indígena Guarita, Sul do Brasil
Título(s) alternativo(s): Nutritional status and social determinants of child height in the Guarita Indigenous Territory, Southern Brazil
Autor(es): Menegolla, Ivone Andreatta
Drachler, Maria de Lourdes
Rodrigues, Inajara Haubert
Schwingel, Lucio Roberto
Scapinello, Elaine
Pedroso, Maisa Beltrame
Leite, José Carlos de Carvalho
Afiliação: Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde. São Leopoldo, RS, Brasil.
University of East Anglia. Institute of Health. Norwich, UK
Secretaria Estadual da Saúde do Rio Grande do Sul. Assessoria de Saúde Indígena.Porto Alegre, RS, Brasil.
Secretaria Estadual da Saúde do Rio Grande do Sul. Conselho de Missão entre Índios. Porto Alegre, RS, Brasil.
Secretaria Estadual da Saúde do Rio Grande do Sul. Política de Alimentação e Nutrição. Porto Alegre, RS, Brasil.
Resumo: O estado nutricional de crianças menores de cinco anos e fatores associados à estatura foram estudados usando dados de um programa para controle da desnutrição e mortalidade na Terra Indígena Guarita, Rio Grande do Sul, Brasil, 2001/2002. Índices antropométricos foram calculados em escores-z da referência CDC/2000. Na primeira avaliação pelo programa, 34,7%, das crianças apresentavam baixa estatura, 12,9% baixo peso para idade, 4,2% baixo peso para estatura e 8,7% sobrepeso. Baixa estatura foi mais prevalente em meninos e maiores de um ano. Modelos de regressão linear múltipla sugerem que a altura foi, em média, menor quando a água para alimentação era de fonte/poço/rio (p = 0,046), não havia geladeira para conservar alimentos (p = 0,021), a mãe era menor de 16 anos ao nascimento do mais velho entre os filhos menores de cinco anos (p = 0,019) e analfabeta (p = 0,083). O destino dos dejetos evidenciou efeito apenas no modelo bruto. Não houve evidência de efeito do número de filhos menores de cinco anos. Políticas de inclusão social e provisão de recursos sociais e de saúde são potencialmente relevantes para a saúde e nutrição nessa população.
Resumo em inglês: The nutritional status of under-five children and the association between social conditions and child stature were examined using data from the program to control malnutrition and mortality in the Guarita Indigenous Territory, southern Brazil, 2001-2002. Anthropometric indices were calculated in z-scores of the CDC 2000 reference. At entrance into the program, 34.7% of the children presented stunting, 12.9% low weight for age, 4.2% wasting, and 8.7% overweight. Stunting was most prevalent among boys and children older than one year. Multivariate linear regression showed that, on average, children were shorter when the drinking water was collected directly in the environment (p = 0.046), there was no refrigerator for food preservation (p = 0.021), maternal age was less than 16 years at the birth of the oldest child among the under-fives (p = 0.019), and the mother was illiterate (p = 0.083). Sewage facilities only had an effect on the unadjusted model. There was no evidence that the number of under-five children had an effect on stature. Social inclusion policies and health and social provision which takes these factors into account are potentially relevant for improving health and nutrition in this population.
Palavras-chave: Índios Sul-americanos
Estado Nutricional
Brasil
Saúde de Populações Indígenas
Epidemiologia
Região Sul
Saúde da Criança
Antropometria
Kaingang
Rio Grande do Sul
Kaingáng
Estudos Epidemiológicos
Avaliação Nutricional
Inquéritos Nutricionais
Baixa Estatura para Idade
Baixo Peso para Idade
Crescimento Infantil
Curvas de Crescimento
Desnutrição Infantil
Alimentação e Nutrição
DeCS: Brasil
Índios Sul-Americanos
Saúde de Populações Indígenas
Epidemiologia
Estado Nutricional
Saúde da Criança
Antropometria
Estudos Epidemiológicos
Avaliação Nutricional
Inquéritos Nutricionais
Estatura-Idade
Transtornos da Nutrição Infantil
Alimentos, Dieta e Nutrição
Data do documento: Fev-2006
Editor: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca
Referência: MENEGOLLA, Ivone Andreatta. et al. Estado nutricional e fatores associados à estatura de crianças da Terra Indígena Guarita, Sul do Brasil. Cadernos de Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 22, n. 2, p. 395-406, fev. 2006.
DOI: 10.1590/S0102-311X2006000200017
ISSN: 0102-311X
Direito autoral: open access
Aparece nas coleções:AN - Artigos de Periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
739063809.pdf90.32 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


O uso do material disponibilizado neste repositório deve ser feito de acordo e dentro dos limites autorizados pelos Termos de Uso.