Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/1475
Título: Intermedicalidade e protagonismo: a atuação dos agentes indígenas de saúde Munduruku da Terra Indígena Kwatá-Laranjal, Amazonas, Brasil
Autor(es): Scopel, Daniel
Dias-Scopel, Raquel Paiva
Langdon, Esther Jean
Afiliação: Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Leônidas & Maria Deane. Manaus, AM, Brasil.
Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Leônidas & Maria Deane. Manaus, AM, Brasil.
Universidade Federal de Santa Catarina. Programa de Pós-graduação em Antropologia Social. Florianópolis, SC, Brasil.
Resumo: O artigo sintetiza resultados de pesquisa etnográfica sobre a atuação dos agentes indígenas de saúde (AIS) na Terra Indígena (TI) KwatáLaranjal, Município de Borba, Amazonas, Brasil. Visa a contribuir para a compreensão do papel dos AIS frente à expansão do modelo médico hegemônico em contexto de pluralidade médica. A análise inclui dados de observação participante e entrevistas realizadas de 2009 a 2011. Entrevistas semi-estruturadas foram realizadas com objetivo de registrar narrativas sobre a rotina, experiências e dificuldades no trabalho. Concluímos que a atuação dos AIS é essencial para a atenção primária, e seu papel transcende atividades estritamente técnicas. O AIS Munduruku ocupa posição central na articulação entre saberes indígenas e biomédicos em contextos de intermedicalidade e emerge como um novo ator político em contextos interétnicos.
Palavras-chave: Amazonas
Brasil
Índios Sul-Americanos
Região Norte
Agentes Indígenas de Saúde
Saúde de Populações Indígenas
Região Amazônica
Etnografia
Munduruku
Atenção Diferenciada
Pesquisa Qualitativa
Trabalho em Saúde
Antropologia da Saúde
Antropologia Social
Relações Interétnicas
Interculturalidade em Saúde
Serviços de Saúde do indígena
DeCS: Brasil
Saúde de Populações Indígenas
Índios Sul-Americanos
Ecossistema Amazônico
Antropologia da Saúde
Serviços de Saúde do Indígena
Competência Cultural
Antropologia Cultural
Data do documento: 2015
Editor: Escola Nacional de Saúde Pública, Fundação Oswaldo Cruz
Referência: SCOPEL, Daniel; DIAS-SCOPEL, Raquel Paiva; LANGDON, Esther Jean. Intermedicalidade e protagonismo: a atuação dos agentes indígenas de saúde Munduruku da Terra Indígena Kwatá-Laranjal, Amazonas, Brasil. Cad Saude Publica, v. 31, n. 12, p. 2559-2568, 2015.
ISSN: 0102-311X
Direito autoral: open access
Aparece nas coleções:ASMT - Artigos de Periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
275866310.pdf95.8 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


O uso do material disponibilizado neste repositório deve ser feito de acordo e dentro dos limites autorizados pelos Termos de Uso.