Please use this identifier to cite or link to this item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/4366
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorPena, João Luiz-
dc.contributor.authorHeller, Léo-
dc.date.accessioned2021-05-10T16:36:09Z-
dc.date.available2021-05-10T16:36:09Z-
dc.date.issued2008-
dc.identifier.citationPENA, João Luiz; HELLER, Léo. Saneamento e saúde indígena: uma avaliação na população Xakriabá, Minas Gerais. Eng. Sanit. Ambient, Rio de Janeiro, v. 13 , n. 1 , p. 63–72, 2008.en_US
dc.identifier.urihttp://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/4366-
dc.description.abstractAvaliam-se as condições de saneamento, o quadro de saúde e a associação entre ambas as situações, na população indígena associação entre ambas as situações, na população indígena entre ambas as situações, na população indígena indígena Xakriabá. A avaliação verifica-se no contexto das intervenções em saneamento realizadas pelas instituições responsáveis pela saúde indígena no Brasil. Para tanto, empregou-se um delineamento ecológico, tomando-se como unidade de análise 26 localidades, segundo as quais se organiza o setor biomédico. Verificou-se que, no período analisado pelo estudo - 2000 a 2002 -, apesar de a FUNASA estar atuando naquela Terra Indígena, as condições sanitárias dos Xakriabá não são satisfatórias, principalmente de suas crianças. Elevada prevalência de doenças endêmicas como a verminose, altas taxas de incidência de diarréia e doenças infecciosas de pele e más condições de saneamento faziam parte do cotidiano deste povo. Mesmo constatando a atuação limitada e, por vezes, deficiente do setor de saneamento na Terra Indígena, os resultados deste estudo parecem corroborar o estudo de Briscoe que indica serem os serviços de saneamento condições necessárias, porém não suficientes para promover a melhoria da saúdeen_US
dc.language.isoporen_US
dc.publisherSeção Brasileira da Associação Interamericana de Engenharia Sanitária e Ambientalen_US
dc.rightsopen accessen_US
dc.subject.otherRegião Sudesteen_US
dc.subject.otherXakriabáen_US
dc.subject.otherMinas Geraisen_US
dc.titleSaneamento e saúde indígena: uma avaliação na população Xakriabá, Minas Geraisen_US
dc.typeArticleen_US
dc.creator.affilliationUniversidade Federal de Goiás. Rede Nacional de Capacitação e Extensão Tecnológica em Saneamento Ambiental – ReCESA, Núcleo Sudeste. Goiânia, GO, Brasilen_US
dc.creator.affilliationUniversidade Federal de Minas Gerais. Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental. Belo Horizonte, MG, Brasilen_US
dc.subject.decsBrasilen_US
dc.subject.decsSaúde de Populações Indígenasen_US
dc.subject.decsÍndios Sul-Americanosen_US
dc.subject.decsDiarréiaen_US
dc.subject.decsSaneamentoen_US
dc.subject.decsSaúde Ambientalen_US
Appears in Collections:DIP - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
904389630.pdf136.43 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.