Please use this identifier to cite or link to this item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/5985
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorAlencar, Camila Oliveira de-
dc.contributor.authorMiclos, Paula Vitali-
dc.contributor.authorCarvalho, Raquel Baroni de-
dc.contributor.authorCortelli, José Roberto-
dc.date.accessioned2022-01-24T20:06:53Z-
dc.date.available2022-01-24T20:06:53Z-
dc.date.issued2011-
dc.identifier.citationALENCAR, Camila Oliveira de; et al. Fluorose dentária e condição periodontal de crianças indígenas do município de Aracruz, ES. Brazilian Journal of Periodontology, v. 21, n. 4, p. 80-85, 2011en_US
dc.identifier.urihttp://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/5985-
dc.description.abstractO objetivo deste estudo do tipo transversal de abordagem quantitativa foi avaliar a prevalencia de alteracoes gengivais, condicao periodontal e fluorose dentaria em criancas indigenas aldeadas (etnia Tupiniquim e Guarani) do municipio de Aracruz (ES). A amostra foi composta por 98 criancas (de 5 e 12 anos de idade) , sendo 89,8 pertencentes a etnia Tupiniquim e 10,2% a etnia Guarani. Os exames clinicos foram realizados por 2 examinadoras previamente calibradas (kappa = 0,8 para fluorose e condicao periodontal). Para avaliacao da fluorose, foi utilizado o indice de DEAN e para analise da condicao periodontal o indice de Alteracoes Gengivais (AG) para a populacao de 5 anos e o pandice Periodontal Comunitario (CPI) para os adolescentes de 12 anos, seguindo os criterios da OMS. Os resultados mostraram prevalencia de fluorose dentaria nos graus mais leves da doenca de 26,8% enquanto 73,2% estavam livres de fluorose. Em 64, 9% das criancas de 5 anos nao foi observado sangramento gengival, entretanto a presenca de sangramento foi verificada em 68,3% da amostra aos 12 anos. Os achados deste estudo permitiram inferir que e premente a necessidade de implementacao de medidas de promocao e prevencao em saude bucal especifica para esta populacao, a fim de que estes agravos nao evoluam para problemas funcionais e esteticos.en_US
dc.language.isoporen_US
dc.publisherUniversidade de São Pauloen_US
dc.rightsopen accessen_US
dc.subject.otherRegião Sudesteen_US
dc.subject.otherGuaranien_US
dc.subject.otherEspírito Santoen_US
dc.subject.otherTupiniquimen_US
dc.subject.otherDoenças e Agravos Não Transmissíveisen_US
dc.titleFluorose dentária e condição periodontal de crianças indígenas do município de Aracruz, ESen_US
dc.typeArticleen_US
dc.subject.decsBrasilen_US
dc.subject.decsSaúde de Populações Indígenasen_US
dc.subject.decsÍndios Sul-Americanosen_US
dc.subject.decsSaúde da Criançaen_US
dc.subject.decsSaúde Bucalen_US
dc.subject.decsGengiviteen_US
dc.subject.decsFluorose Dentáriaen_US
Appears in Collections:DANT - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
269918259.pdfFluorose dentária e condição periodontal de crianças indígenas do município de Aracruz, ES1.02 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.