Please use this identifier to cite or link to this item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/6685
Title: Efetividade de vacinas contra a hospitalização por doença respiratória aguda baixa em crianças indígenas Guarani menores de cinco anos no Sul e Sudeste do Brasil
Advisor: Cardoso, Andrey Moreira
Authors: Santos, Lalita Paiva
Affilliation: Fundação Oswaldo Cruz. Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca. Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Abstract: Mundialmente as infecções respiratórias agudas (IRA) figuram entre as principais causas de morbimortalidade em crianças menores de 5 anos. As IRA são ainda mais relevantes entre as crianças indígenas Guarani desse grupo etário, nas quais a proporção de hospitalização por doenças do aparelho respiratório correspondeu a 77,6% e a taxa de mortalidade específica por IRA em menores de 5 anos foi 20 vezes maior do que para não indígenas. As vacinas correspondem a uma das principais estratégias mundiais na redução da morbimortalidade de crianças menores de 5 anos. Este trabalho utilizou o banco de dados de um estudo caso-controle sobre fatores de risco para hospitalização por doença respiratória aguda baixa (DRAB) em crianças indígenas Guarani menores de cinco anos residentes em 83 aldeias do sul e sudeste do Brasil para investigar a efetividade das vacinas contra a hospitalização por DRAB. Objetivo: Analisar a efetividade das vacinas presentes no calendário vacinal indígena (2007-2008) na prevenção da hospitalização por DRAB. Método: O desfecho do estudo foi definido como hospitalização por DRAB. A efetividade foi analisada segundo as seguintes situações vacinais da criança: estar vacinada para uma dada vacina com efeito biológico específico contra agentes etiológicos de IRA (Tetravalente = DTP + Hib; Influenza ou Pneumocócica 23-valente); estar vacinada para conjunto das vacinas com efeito biológico específico contra agentes etiológicos de IRA (tetravalente, influenza e pneumocócica 23-valente); estar vacinada para o conjunto das vacinas contra os agentes etiológicos de IRA, além de vacinada contra sarampo (SCR) e varicela; e estar vacinado com todas as vacinas recomendadas para a idade presentes no calendário vacinal indígena. Foram utilizados dois critérios para avaliar a adequação vacinal: ter recebido pelo menos uma dose da vacina recomendada para a idade (EV1) e ter recebido todas as doses da vacina recomendada para idade (EV2). A efetividade das vacinas foi ajustada pelo conjunto das variáveis retidas no modelo multivariado final de determinação das hospitalização por DRAB nas crianças Guarani (renda estável per capita domiciliar, numero de moradores no domicílio, localização do fogo principal, idade materna, peso ao nascer) (Modelo final 1). Um segundo ajuste foi feito considerando também a o recebimento ou não das demais vacinas sem efeito biológico específico contra agentes etiológicos de IRA (Modelo final 2). Resultados e Discussão: As efetividades vacinais encontradas após ajuste pelos modelos finais 1 (EV1) e 2 (EV 2) foram: tetravalente (EV1:-40%; EV2:33%); influenza (EV1:46%; EV2:-52%); pneumocócica 23-valente (EVbruta:27%); conjunto das vacinas com efeito específico contra agentes etiológicos de IRA (EV1:22%; EV2:11%); conjunto das vacinas com efeito específico contra agentes etiológicos de IRA + sarampo + varicela (EV1:26%; EV2:49%); todas as vacinas do calendário vacinal indígena (EV1:46%; EV2:56%). Todos os resultados não foram estatisticamente significantes. Conclusão: São necessários mais estudos sobre vacinas com populações indígenas, buscando superar algumas potenciais limitações encontradas neste estudo, que poderia justificar a ausência de efetividade das vacinas, tais como: baixo poder do estudo; baixa qualidade dos imunobiológicos, baixa especificidade no diagnóstico do desfecho; desconhecimento sobre os padrões de circulação dos agentes etiológicos antes e após a introdução das vacinas.
Abstract: Introduction: Worldwide Acute Respiratory Infections (ARI) are among the major causes of morbidity and mortality in children under 5 years. The ARI are even more relevant among indigenous Guarani children of this age group, in which the proportion of hospitalization for respiratory tract diseases corresponded for 77.6% and the specific mortality rate for ARI in children under five years was 20 times higher than for nonindigenous people. Vaccines represent a major strategy worldwide in reducing morbidity and mortality of children under five years. This study used the database of a case-control study about risk factors for hospitalization for Acute Respiratory Lower Disease (ARLD) in indigenous Guarani children under five years of age living in 83 villages in the southern and southeastern Brazil to investigate the effectiveness of vaccines against hospitalization for ARLD. Objective: To analyze the effectiveness of vaccines present in indigenous vaccine schedule (2007-2008) in preventing hospitalization for ARLD. Method: The outcome study was defined as hospitalization for ARLD. The effectiveness was analyzed according to the following situations of child vaccination: be vaccinated for a given vaccine with specific biological effect against etiological agents of ARI (DTP + Hib = Tetravalent; Influenza or Pneumococcal 23-valent); be vaccinated for the vaccines together with specific biological effect against etiological agents of ARI (tetravalent, influenza and 23-valent pneumococcal); be vaccinated for all the vaccines against etiological agents of ARI, and vaccinated against measles (SCR) and varicella; and be vaccinated with all recommended for age present in indigenous immunization schedule vaccines. Two criteria were used to evaluate the suitability vaccine: having received at least one dose of the recommended age (EV1) vaccine and have received all doses of vaccine recommended for age (EV2). The effectiveness of the vaccines was adjusted for all the variables retained in the final determination of hospitalization in children ARLD multivariate model Guarani (stable per capita household income, number of household members, location of the main fire, maternal age, birth weight) (final model 1). A second adjustment was made also considering whether or not to receive the other vaccines without specific biological effect against etiological agents of ARI (final Model 2). Results and Discussion: The vaccine effectiveness found after adjustment for final models 1 (EV1) and 2 (EV2) were tetravalent (EV1: -40%; EV2: 33%); influenza (EV1: 46%; EV2: 52%); Pneumococcal 23-valent (EVbruta: 27%); vaccines together with a specific effect against etiologic agents of ARI (EV1: 22%; EV2: 11%); vaccines together with a specific effect against etiologic agents of ARI measles + varicella (EV1: 26%; EV2: 49%); all vaccines indigenous vaccine schedule (EV1: 46%; EV2: 56%). All the results were not statistically significant. Conclusion: Further studies are needed on vaccines with indigenous populations, seeking to overcome some potential limitations in this study, which could explain the lack of effectiveness of vaccines, such as low power of the study; low quality of immunobiological, low specificity for the diagnosis of the outcome and ignorance about the circulation patterns of etiologic agents before and after the introduction of vaccines
Keywords: Brazil
Health of Indigenous Peoples
Indians, South American
Respiratory Tract Infections
Vaccines
Keywords: Região Sudeste
Região Sul
Guarani
Doenças e Agravos Não Transmissíveis
DeCS: Brasil
Saúde de Populações Indígenas
Índios Sul-Americanos
Infecções Respiratórias
Vacinas
Hospitalização
Issue Date: 2014
Citation: SANTOS, Lalita Paiva. Efetividade de vacinas contra a hospitalização por doença respiratória aguda baixa em crianças indígenas Guarani menores de cinco anos no Sul e Sudeste do Brasil. 2014. 76 f. Dissertação (Mestrado) - Escola Nacional de Saúde Pública, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, 2014
metadata.dc.degree.date: 2014-05-26
Place of defense: Rio de Janeiro, RJ
Defense institution: Fundação Oswaldo Cruz, Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca
Program: Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública
Copyright: open access
Appears in Collections:DANT - Dissertações de Mestrado



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.