Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/6726
Título: Cândida Patté, parteira tradicional do Povo Xokleng Laklãnõ: retomada de práticas tradicionais e a saúde das mulheres
Orientador: Schild, Joziléia Daniza Jagso Inacio
Autor(es): Camlém, Elaine Kosiclã
Afiliação: Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Filosofia e Ciências Humanas. Curso de Licenciatura Intercultural Indígena do sul da Mata Atlântica. Florianópolis, SC, Brasil
Resumo: Esta pesquisa apresenta a discussão em torno das memórias sobre Cândida Patté, conhecida entre os Xokleng como dona Candinha, mulher indígena Laklãnõ Xokleng, parteira, que detinha saber ancestral e tradicional do ato de partejar, e de cuidar de outras mulheres. Procurei compreender a importância do parto tradicional e o saber ancestral associado a esta prática que envolve a massagem, o banho, os chás, a dieta e o cuidado de uma para com as outras. Trouxe os relatos das mulheres mais velhas e das jovens que, embora tenham tido acompanhamento da equipe multidisciplinar da SESAI, buscaram dona Candinha durante a gestação
Resumo em inglês: RESUMO (Língua Xokleng): Dén mē lãnlãl tóg ti Cândida Patté zi lēl ne ka zi jógzē jó kabel vã, agonhka to Laklãnõ Xokleng zi vã, tá to óg ka óg klã vag ge mū jó zi vã. Ku zi agzē txi óg jopaló jó li zi to ké ke mū zi vã. Ēnh txo ka u li ke ku kutē klã tá to ē klã vég ge ke ti me mã óg gé txo me lānlān ē klã ki klē me vãnh lēm ge ki ti blé, u li ke ku ki me vatxõ lēl ké ki jó ti me kabel vã. Ku nū tá txi blé tá tag óg to Sesai ki nõdē óg ki me vatxo lēl agjaló Candinha zi tõ me ē klã ti ki me ē lēm jé zi to kamu jó me txo kabel vã
Palavras-chave em inglês: Brazil
Health of Indigenous Peoples
Indians, South American
Medicine, Traditional
Midwifery
Palavras-chave: Autoria Indígena
Xokleng
Parteiras
DeCS: Brasil
Saúde de Populações Indígenas
Índios Sul-Americanos
Medicina Tradicional
Tocologia
Data do documento: 2020
Referência: CAMLéM, Elaine Kosiclã. Cândida Patté, parteira tradicional do Povo Xokleng Laklãnõ: retomada de práticas tradicionais e a saúde das mulheres. 2020. 60 f. TCC (Graduação) - Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2020
Data de defesa: 2020
Local de defesa: Florianópolis
Instituição de defesa: Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Filosofia e Ciências Humanas
Programa: Licenciatura Intercultural indígena do sul da Mata Atlântica
Direito autoral: open access
Aparece nas coleções:ASMT - Trabalhos de Conclusão de Curso



O uso do material disponibilizado neste repositório deve ser feito de acordo e dentro dos limites autorizados pelos Termos de Uso.