Please use this identifier to cite or link to this item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/6778
Title: Estudos epidemiológicos entre populações Ameríndias da Amazônia. III. Parasitoses intestinais em povoações recentemente contactadas e em aculturação
Authors: Lawrence, Dale N.
Neel, James V.
Abadie, Stanley H.
Moore, L. Lee
Adams, L. Jean
Healy, George R.
Kagan, Irving G.
Affilliation: Clinical Immunology Branch, Immunology Division, Bureau of Laboratories, Center for Disease Control (CDC), Public Health Service, U. S. Department of Health, Education and Welfare, Atlanta
University of Michigan Medical School Ann Arbor. Department of Human Genetics. Ml, EUA
Louisiana State University Medical Center. Department of Tropical Medicine and Medical Parasitology. Louisiana. New Orleans, LA, EUA
Bureau of Laboratories. Laboratory Training and Consultation Division. Parasitology Training Branch. CDC, EUA
Bureau of Laboratories. Parasitology Division. CDC, EUA
Bureau of Laboratories. Parasitology Division. CDC, EUA
Bureau of Laboratories. Parasitology Division. CDC, EUA
Abstract: Os predomínios de parasitas intestinais entre os residentes de três povoações de índios sul-americanos no processo de aculturação foram comparados com os encontrados em pesquisas anteriores, não publicadas, em duas povoações recentemente contactadas. Embora um indivíduo, em uma povoação, em aculturação, hospedasse 11 diferentes parasitas intestinais, em geral, o número médio de diferentes espécies de parasitas por pessoa era um tanto maior nas povoações recentemente contactadas. A contagem de ovos de helmintos, efetuada diretamente nas sujeiras de cada espécime de uma vila recentemente contactada, foi baixa. Não houve diferenças em predomínio associadas ao sexo. Os predomínios totais, não ajustados por idade, estavam entre os mais altos registrados para ameríndios. Nenhuma espécie de Taenia ocorreu. Balantidium coli ocorreu em duas vilas em aculturação, concomitante com o início de práticas agrícolas que incluem criação de suínos. Nenhum caso de má nutrição de caloria protéica moderada ou severa foi observado em qualquer das vilas durante as pesquisas. Estes limitados dados fornecem uma linha base para futuras comparações, e, talvez, um olhar rápido no passado.
Keywords: Brazil
Health of Indigenous Peoples
Indians, South American
Parasitic Diseases
Keywords: Região Amazônica
Amazonas
Tikuna
Kashinawa
Ticuna
Kanamari
DeCS: Brasil
Saúde de Populações Indígenas
Índios Sul-Americanos
Doenças Parasitárias
Issue Date: 1983
Publisher: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Citation: LAWRENCE, Dale N.; NEEL, James V.; ABADIE, Stanley H.; MOORE, L. Lee; ADAMS, L. Jean; HEALY, George R.; KAGAN, Irving G.. Estudos epidemiológicos entre populações Ameríndias da Amazônia. III. Parasitoses intestinais em povoações recentemente contactadas e em aculturação. Acta Amazonica, v. 13, n. 2, p. 393-407, 1983.
Copyright: open access
Appears in Collections:DIP - Artigos de Periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Estudos epidemiológicos entre populações Ameríndias da Amazônia4.47 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.