Please use this identifier to cite or link to this item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/742
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorPimenta, José-
dc.contributor.authorAlcantara Neto, Martianiano Sardeiro de-
dc.date.accessioned2019-08-08T12:12:49Z-
dc.date.available2019-08-08T12:12:49Z-
dc.date.issued2016
dc.identifier.citationALCANTARA NETO, Martianiano Sardeiro de. Educação formal e saúde alopática entre os Tapayúna (Kaykwakhratxi). 2016. 228 f. Tese (Doutorado em Antropologia Social) - Instituto de Ciência Sociais, Universidade de Brasília. Brasília, 2016-
dc.identifier.urihttp://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/742-
dc.description.abstractA tese a seguir a seguir trata das relações dos Tapayúna da aldeia Kawerêtxikô (Parque Indígena do Xingu, Terra Indígena Capoto Jarinã, Mato Grosso) com a educação escolar e a saúde alopática oferecidas pelo Estado brasileiro a eles durante os anos de 2012 a 2015. O foco principal foi o de mapear as interpretações nativas sobre esses dois serviços permanentemente instalados na aldeia Kawerêtxikô, comparando as relações dos Tapayúna com essas duas áreas. As minhas considerações se baseiam em um período de pesquisa e convivência cotidiana entre os Kaykwkhratxi (auto-denominação dos Tapayúna, pertencentes ao tronco lingüístico e à família Jê) de 13 meses não-consecutivos, além da companhia e observação das viagens que eles faziam às cidades do entorno da Terra Indígena Capoto Jarinã, tradicional território dos Kayapó (Mebengôkrê) e onde foi construída a aldeia Kawerêtxikô. Dei especial atenção à maneira como os Tapayúna eram interpelados e, ao mesmo tempo, também interpelavam os funcionários do posto-de-saúde e da Escola Goronã. Por fim, analiso, a partir da noção de dupla ou múltipla-submissão, como a população não-indígena em geral acaba por tentar classificar e subjugar os Tapayúna e toda a população indígena daquela região do norte do Mato-Grosso, principalmente nos municípios de Peixoto de Azevedo, Colider e São José do Xingu.-
dc.language.isopor-
dc.rightsopen accessen_US
dc.subject.otherBrasil-
dc.subject.otherÍndios Sul-Americanos-
dc.subject.otherSaúde de Populações Indígenas-
dc.subject.otherMato Grosso-
dc.subject.otherRegião Amazônica-
dc.subject.otherRegião Centro-Oeste-
dc.subject.otherPesquisa Qualitativa-
dc.subject.otherParque Indígena do Xingu-
dc.subject.otherEducação e Saúde-
dc.subject.otherTapayuna-
dc.subject.otherTapayúna-
dc.titleEducação formal e saúde alopática entre os Tapayúna (Kaykwakhratxi)-
dc.typeThesisen_US
dc.degree.grantorUniversidade de Brasília. Instituto de Ciência Sociais-
dc.degree.localBrasília/DF-
dc.subject.decsBrasil-
dc.subject.decsÍndios Sul-Americanos-
dc.subject.decsSaúde de Populações Indígenas-
dc.subject.decsRegião Amazônica-
Appears in Collections:TR - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
565738704.pdf2.02 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.