Please use this identifier to cite or link to this item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/760
Title: Análise da capacitação do enfermeiros que atuam na atenção à saúde das populações indígenas
Advisor: Silva, Nair Chase da
Authors: Oliveira, Maria Luiza Carvalho de
Abstract: Introdução: As necessidades de saúde da população, da gestão e do controle social são referências para o desenvolvimento do Programa de capacitação destinado a profissionais da saúde. Diante disso, a pesquisa propôs responder: como está estruturado o programa de capacitação para enfermeiros que atuam no Distrito Sanitário Especial Indígena Manaus – DSEI/MAO? Quais os componentes essenciais de um programa de capacitação na opinião dos enfermeiros que atuam nesse distrito? Objetivo: Analisar o programa de capacitação para enfermeiros que atuam em área indígena no DSEI/MAO. Metodologia: Pesquisa descritiva exploratória. Utilizou-se como técnicas de coleta de dados a análise documental de sete Projetos de Atividades de Capacitação realizadas no período de agosto de 2007 a agosto de 2012; questionário e entrevista semiestruturada com 12 enfermeiros e coordenadora pedagógica. A análise dos dados deu-se através da técnica de análise de conteúdo de Bardin. Análise e Discussão dos Resultados: O perfil dos enfermeiros se caracterizou pela predominância do sexo feminino, com idade que varia de 28 a 40, de cor ou raça parda. A maioria tem em tempo de formado quase o mesmo de atuação em área indígena. Os enfermeiros fizeram menos de duas capacitações com enfoque em saúde indígena por ano. Os processos formativos que compõem o programa de capacitação foram organizados em diagnóstico, planejamento, execução e avaliação. O diagnóstico ocorreu através do levantamento de temas realizado pela coordenadora pedagógica, coordenadores dos programas de saúde e enfermeiros, e pelo alcance ou não das metas pactuadas. O Projeto de Atividade de Capacitação é a materialização do planejamento anual e foram elaborados pela coordenadora pedagógica tanto nos aspectos operacionais quanto pedagógicos. A participação dos enfermeiros é passiva, denotando a necessidade do planejamento participativo. Em relação à execução, as capacitações constituíram-se em atividades de atualização, de curta duração, com carga horária entre 24 a 40 horas. As capacitações tiveram, predominantemente, o objetivo de habilitar tecnicamente os enfermeiros para o desenvolvimento de programas de saúde e, secundariamente, abordar conteúdos relacionados à cultura, crença e diversidade étnica das populações indígenas. A maioria das capacitações utilizou a metodologia problematizadora. A avaliação esteve focada a verificar a opinião dos participantes referente à execução das capacitações. Em relação aos componentes essenciais da política de formação os enfermeiros referiram ser necessário: prática concomitante à teorização durante a capacitação, valorização da vivência dos profissionais em área indígena, inclusão de conteúdos de abordagem antropológica enfocando as especificidades étnicas, disponibilidade de material didático com enfoque na saúde indígena; participação de toda a equipe de enfermagem nas atividades, regularidade e maior frequência nas capacitações e comprometimento da equipe envolvida na saúde indígena. Considerações Finais: Ao trazer questões relacionadas à capacitação de profissionais, este estudo tornou possível concluir que as capacitações apresentaram fragilidades relacionadas ao enfoque indígena, pois dão pouca ênfase na diversidade étnica das populações indígenas. A descontinuidade prejudica no processo de ensino-aprendizagem e a pouca freqüência não atende as necessidades de atualização dos enfermeiros. A metodologia da problematização norteia as capacitações, direcionando as atividades para a abordagem do contexto diferenciado da saúde indígena. Na opinião dos enfermeiros, as atividades de capacitação oferecidas pelo DSEI/MAO tornaram-se fundamentais para a mudança de comportamento na prática de saúde indígena e melhoria do serviço.
Keywords: Amazonas
Brasil
Índios Sul-Americanos
Saúde de Populações Indígenas
Capacitação de Recursos Humanos em Saúde
Região Amazônica
DSEI Manaus
Educação em Saúde
Enfermagem
Pessoal da Saúde
Trabalho em Saúde
DeCS: Brasil
Índios Sul-Americanos
Saúde de Populações Indígenas
Capacitação de Recursos Humanos em Saúde
Região Amazônica
Educação em Saúde
Distrito Sanitário Especial Indígena
Enfermagem
Issue Date: 2013
Citation: OLIVEIRA, Maria Luiza Carvalho de. Análise da capacitação dos enfermeiros que atuam na atenção à saúde das populações indígenas. 2013.137 f. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Escola de Enfermagem de Manaus, Universidade Federal do Amazonas, Manaus, 2013
Place of defense: Manaus
Defense institution: Universidade Federal do Amazonas. Escola de Enfermagem de Manaus
Copyright: open access
Appears in Collections:TR - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
816027323.pdf2.63 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.