Please use this identifier to cite or link to this item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/828
Title: Cotidiano, saúde e política : uma etnografia dos profissionais da saúde índígena
Advisor: Teixeira, Carla Costa
Authors: Silva, Cristina Dias da
Co-advisor: Laraia, Roque de Barros
Abstract: Esta tese versa sobre práticas de atenção à saúde entre profissionais da enfermagem no contexto dos Distritos Sanitários Especiais Indígenas, os DSEIs, implantados a partir de 1999 no Brasil. A pesquisa foi realizada na região do Alto Rio Tapajós (PA) e abordou o cotidiano da assistência básica de saúde prestada aos Munduruku que vivem nessa localidade. O principal objetivo deste trabalho foi lançar luz sobre a relação que se estabelecia nesse plano de assistência primária. A abordagem aos Munduruku por esses profissionais de saúde parecia adquirir um sentido particular, isto é, ainda que o Sistema Único de Saúde (SUS) estivesse integrado à esfera distrital, era especificamente sobre os profissionais de saúde da Equipe Multidisciplinar de Saúde Indígena (EMSI) que se projetavam expectativas de produção de uma atenção diferenciada , principal mote da Política Nacional de Atenção à Saúde dos Povos Indígenas. Assim, realizei uma etnografia que se orientou pela premência em desdobrar a dinâmica de relações desse grupo de profissionais, em sua maioria maciça oriundos do extenso campo da enfermagem, buscando problematizar as situações cotidianas de atendimento e contribuir para a expansão do debate sobre formas de gestão da saúde entre povos indígenas no Brasil e sobre o próprio campo da enfermagem nesse processo.
Keywords: Brasil
Índios Sul-Americanos
Pessoal de Saúde
Região Norte
Saúde de Populações Indígenas
População Indigena
Sistemas Locais de Saúde
Pará
Atenção Diferenciada
Profissionais de Enfermagem
Munduruku
Alto Rio Tapajós
Médio Tapajós
DeCS: Brasil
Índios Sul-Americanos
Pessoal de Saúde
Saúde de Populações Indígenas
Sistemas Locais de Saúde
Profissionais de Enfermagem
Issue Date: 2010
Citation: SILVA, Cristina Dias da. Cotidiano, saúde e política. Uma etnografia dos profissionais da saúde indígena. 2010. 285 f. Tese (Doutorado em Antropologia Social) - Universidade de Brasília, Brasília, 2010
Place of defense: Brasília/DF
Defense institution: Universidade de Brasília
Copyright: open access
Appears in Collections:AS - Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
645305381.pdf1.94 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.