Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/863
Título: Do feitiço a Malária. Uma etnografia do sistema de saúde na Reserva Extrattivista do Alto Juruá- Acre
Orientador: Langdon, Esther Jean
Autor(es): Barbin Júnior, Hélio
Resumo: Esta analise descreve os modelos de assistência em saúde - popular e oficial ou biomédico - suas características, conflitos e complementações. Procuro argumentar que estes dois principais modelos são necessários para a melhoria da qualidade em saúde desta população. Como conseqüência , estes modelos devem ser discutidos em conjunto na esfera das políticas públicas, especialmente naquelas que dizem respeito a implementação do SUS ( Sistema Único de Saúde) e no processo de municipalização da Saúde.
Palavras-chave: Brasil
Índios Sul-Americanos
Região Norte
Saúde de Populações Indígenas
Região Amazônica
Malária
Acre
Assistência à Saúde
Etnografia
Medicina Tradicional
Doenças Infecciosas e Parasitárias
DeCS: Brasil
Índios Sul-Americanos
Saúde de Populações Indígenas
Região Amazônica
Malária
Assistência à Saúde
Medicina Tradicional
Antropologia Social
Doenças Infecciosas
Doenças Parasitárias
Data do documento: 1999
Referência: BARBIN JR., Hélio. Do feitiço à malária. Uma etnografia do sistema de saúde na Reserva Extrativista do Alto Juruá- Acre. 1999. 123 f. Dissertação (Mestrado em Antropologia Social) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 1999.
Local de defesa: Florianópolis/SC
Instituição de defesa: Universidade Federal de Santa Catarina
Direito autoral: open access
Aparece nas coleções:ASMT - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
422319594.pdf6.42 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


O uso do material disponibilizado neste repositório deve ser feito de acordo e dentro dos limites autorizados pelos Termos de Uso.