Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/903
Título: Proposta de plano de curso para a formação técnica dos agentes indígenas de saúde do Distrito Sanitário Especial Indígena Cuiabá
Orientador: Ferreira, Luciane Ouriques
Autor(es): Figueiredo, Maria das Graças Oliveira de
Coorientador: Lourenço, Sônia Regina
Resumo: Este trabalho apresenta uma proposta de Plano de Curso para formação profissional de Técnico em Agente Comunitário Indígena de Saúde (TACIS) a ser inserida no Projeto Politico-Pedagógico da Escola de Saúde Pública de Mato Grosso. Objetiva traçar diretrizes para a implantação de curso Técni7co em Agente Comunitário Indígena de Saúde de modo a atender à demanda de profissionalização na área de saúde para a população indígena do Estado. Está estruturado conforme a legislação vigente da Educação Profissional Técnica de Nível Médio. A presente iniciativa visa à complementação da formação para nível técnico dos agentes indígenas de saúde no Estado de Mato Grosso, bem como a qualificação para os iniciantes no processo pedagógico. Para a escolarização em nível médio propõe-se articular os processos de Educação Profissional e Educação Básica, por meio de parceria com a Secretaria Estadual de Educação de Mato Grosso/Equipe de Educação Indígena. Este projeto piloto destina-se ao DSEI Cuiabá, podendo vir a ser estendido aos demais DSEIs do Estado. A elaboração dessa proposta pedagógica buscou subsídios nos documentos da ESPMT, no Referencial Curricular para Curso Técnico de Agente Comunitário de Saúde (TACS) proposto pelo Ministério da Saúde e Ministério da Educação (2004) e nos relatos da experiência de formação de Agente Comunitário Indígena de Saúde ora desenvolvida no Amazonas - Alto Rio Negro pautada nas características culturais dos povos indígenas. A matriz curricular contempla três Áreas de formação: Área I Promoção da Saúde em Comunidades Indígenas; Área II Atenção à Saúde na Comunidade Indígena; Área III Processo de Trabalho em Saúde Indígena visando atender ao itinerário formativo do TACIS, bem como propiciar a elevação da escolaridade. A implantação do curso apresenta-se como um desafio político, cultural e pedagógico, na medida em que está pautada nos princípios de educação e atenção à saúde em uma perspectiva diferenciada.
Palavras-chave: Brasil
Saúde de Populações Indígenas
População Indigena
Capacitação de Recursos Humanos em Saúde
Mato Grosso
Sistemas Locais de Saúde
Região Amazônica
Região Centro-Oeste
Agentes Comunitários de Saúde
Atenção à Saúde
Promoção da Saúde
Política pública
DeCS: Brasil
Saúde de Populações Indígenas
Capacitação de Recursos Humanos em Saúde
Sistemas Locais de Saúde
Região Amazônica
Agentes Comunitários de Saúde
Atenção à Saúde
Promoção da Saúde
Política Pública
Data do documento: 2013
Referência: FIGUEIREDO, Maria das Graças Oliveira de. Proposta de plano de curso para a formação técnica dos agentes indígenas de saúde do Distrito Sanitário Especial Indígena Cuiabá. 2013. 97 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade de Brasília, Brasília, 2013
Local de defesa: Brasília/DF
Instituição de defesa: Universidade de Brasília
Direito autoral: open access
Aparece nas coleções:AS - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
042869111.pdf4.07 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


O uso do material disponibilizado neste repositório deve ser feito de acordo e dentro dos limites autorizados pelos Termos de Uso.