Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://ds.saudeindigena.icict.fiocruz.br/handle/bvs/918
Título: Corpo e saude entre os Guaran
Orientador: Santos, José Luiz dos
Autor(es): Lopes, Andréia Aparecida Ferreira
Resumo: Pouca atenção tem sido dispensada à relação que a filosofia guarani tem com a definição das práticas em tomo das crises da existência. O presente trabalho se dedica a esta tarefa, mediante a análise da literatura etnológica que teve os Guarani como objeto de estudo. Começa com uma abordagem crítica da bibliografia, discutindo as principais questões que têm mobilizado o interesse dos autores e caracterizado a etnologia guarani. São então avaliadas as condições em que o tema das aflições está presente nos autores, definindo as possibilidades de abordagem no sentido de uma sistematização dos dados. Essa sistematização se dirige às formas, valores e sensibilidades culturais, conforme evocados nas situações de crise. Apresenta um levantamento acerca das concepções relacionadas ao corpo, dos agentes e causas do mal-estar, das práticas terapêuticas e da atuação do xamã na cura. É localizada a centralidade do que se pode chamar de disjunção entre corpo e alma na avaliação da causa das aflições. Constata-se que a alma-palavra se relaciona com o que os Guarani definem como o modo de ser guarani. Sugerindo, assim, que em última instância as crises remetem ao perigo da pessoa deixar de ser Guarani, colocando em risco as formas nas quais se organiza essa sociedade. Nesse sentido a figura do pajé pode ser resgata no conforme a etnologia o tem considerado - o ideal de homem nesta sociedade.
Palavras-chave: Brasil
Índios Sul-Americanos
Saúde de Populações Indígenas
Guarani
Etnografia
Antropologia Cultural
Xamanismo
Cosmologia
Pesquisa Qualitativa
Antropologia da Saúde
DeCS: Brasil
Índios Sul-Americanos
Saúde de Populações Indígenas
Antropologia Cultural
Xamanismo
Antropologia da Saúde
Pesquisa Qualitativa
Data do documento: 2001
Referência: LOPES, Andréia Aparecida Ferreira. Corpo e saúde entre os Guarani. 2001. 233 f. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2001
Local de defesa: Campinas/SP
Instituição de defesa: Universidade Estadual de Campinas. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas
Direito autoral: open access
Aparece nas coleções:ASMT - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
029685867.pdf15.52 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


O uso do material disponibilizado neste repositório deve ser feito de acordo e dentro dos limites autorizados pelos Termos de Uso.